sábado, 28 de maio de 2011

PSD PROMOVE TOMAR

Bastou assumir-me como cidadão no pleno uso dos seus direitos cívicos para que alguns conterrâneos(?) do tipo quadrado me apelidassem de "relvista indefectível", homem de direita e mais não sei quantos. Como se mesmo na minha terra e não exercendo qualquer cargo político ou outro, devesse satisfações a qualquer palonço. Ainda para mais, auto-proclamado de esquerda, mas sem identificação...
No fim de contas, limitei-me até agora a constatar evidências e a esclarecer em quem tenciono votar e porquê, assinando por baixo. Uma dessas evidências é que -goste-se ou não- nestas eleições o candidato de longe melhor colocado para nos tempos difíceis que aí vêm ajudar Tomar e os tomarenses a partir de Lisboa é Miguel Relvas. Tem defeitos? Pois tem. Há alguém que não tenha? Errou no passado? Pois errou. Há alguém que nunca erre? Só quem nunca faz.
Evidenciando uma vez mais o seu habitual empenho em prol de Tomar, que adoptou como sua terra de eleição, Relvas "levou" Pedro Passos Coelho ao Convento, conforme testemunham as fotos do EXPRESSO, Revista ÚNICA, desta semana. Trata-se, sem margem para dúvidas, de uma excelente promoção do principal monumento tomarense, que de resto dela bem precisa. E duma iniciativa inteligente, pois contribuindo para a promoção de Tomar, o actual secretário-geral do PSD está a angariar votos e simpatias. Caridade bem organizada deve começar sempre pelo próprio...

Sendo bem conhecida a sentença latina audaces fortuna juvat = a sorte ajuda os audazes, PP Coelho soube instintivamente onde sentar-se, no refeitório quinhentista do Convento de Cristo. Mercê de uma extraordinária coincidência, eis o que se sabe sobre o local exacto em que posou para a foto: "O Mestre dos noviços deve ensinar a todos os que estão debaixo da sua obediência, toda a virtude e religião, em especial os graus de humildade, contidos em nossa Santa regra... ... ...e ter muito cuidado em que eles as saibam, exortando-os em toda a parte e lugar onde eles se descuidarem, por sinal, por palavra ou por castigo. Não lhes deixará fazer nenhum exercício espiritual, nem outra qualquer abstinência, sem sua especial licença, e sobretudo fará muito para os desapossar da sua própria vontade. Obrigará os noviços a se confessarem geralmente nos primeiros quatro meses... ...

Será o lugar do Mestre e seus noviços no refeitório, à segunda mesa da banda direita, junto à porta, assentando-se ele no fim dela e os noviços ou mais novos, comerão daí para cima. ... ..."  (Usos e Cerimónias da Nossa Ordem de Cristo -1743, páginas 156 e 157, ver ilustração abaixo) Há ou não há coincidências curiosas?  Longe estaria José Sócrates de pensar, quando acusou os seus adversários do PSD de não terem experiência, que afinal até já há instruções para o novo Mestre e para os seus noviços. E esta hein?!, diria o saudoso Fernando Pessa.
As fotos de Pedro Passos Coelho no Convento de Cristo são de Rui Ochoa e foram copiadas da Revista Única do Expresso de 28/05/2011.

22 comentários:

Anónimo disse...

Ó Dr. Rebelo,

Por amor de Deus NÃO PERCA A NOÇÃO DO RÍDICULO...

Poupe-nos a esse espectáculo deprimente do panegírio rastejante.

Pode apoiar quem quiser sem se expor à VASSALAGEM do deslumbrado.

Consegue perceber?

Anónimo disse...

OH Sr Rebelo voce acredita mesmo que o Relvas o vai propor para candidato à Camara pelo PSD?
Pensei que a idade lhe desse algum tino político, mas pelos vistos voce perdeu o tino. O Relvas propoe tanto o seu nome para candidato como eu vou à lua. Acho que será mais fácil ir à lua.
Voce não conhece mesmo o nosso amigo Relvas!

E depois diga que eu não avisei.

António Rebelo disse...

Para 23:43

Quando puder, comunique-me as suas coordenadas pessoais, para eu as transmitir à Gulbenkian, tendo em vista uma choruda bolsa de investigação em ciências sociais. Uma pessoa como você, que num mero comentário sucinto consegue formular o problema e sugerir a solução que lhe parece a mais adequada, só não virá a ser galardoado com o Nobel caso não queira.
Ele há cada um!!! Ou cada uma?

António Rebelo disse...

Para comentário das 23:00

Ainda bem que fez a pergunta! É que este seu servidor realmente de inteligente não tem nada, como é sabido, pelo que percebe muito pouco, ou mesmo nada. Por isso costuma estar a pedir esmolas à saída das missas. Agora que estava esperançado num tachito arranjado pelo Miguel, vem você e revela tudo. É uma injustiça!
Pelo menos podia identificar-se e mostrar-se disponível para ensinar um pobre de espírito a saber viver... Agora assim, ficamos todos a perder tamanha sapiência e auto-suficiência.
Você dorme bem? E costuma ver-se ao espelho com alguma preocupação introspectiva? Não parece.

Anónimo disse...

Nos tempos difíceis que aí vêm Miguel Relvas é o melhor para ajudar Tomar e os tomarenses a partir de Lisboa?
Rebelo, leia o post a seguir a este sobre o que os estrangeiros dizem dos portugueses; dizem que são passivos, desorganizados, etc.
Só os tomarenses se podem ajudar a si próprios, só que não são capazes de o fazer, e não querem, é muito bom ser-se dependente.
Nos tempos difíceis que aí vêm ninguém pode ajudar os portugueses ou os tomarenses, a não ser eles próprios.
Na mesma revista, José Sócrates foi fotografado na sua terra de origem, e Passos Coelho no Convento de Cristo. Passos Coelho pretende dar a imagem de intenção de um Renascimento Nacional integrado na globalização, o que entra em contradição com o seu programa de desnacionalizações e de subordinação ao estrangeiro, e destruição do Estado Social. O PS também pretende navegar nessas águas com o slogan "Defender Portugal". Portugal não está a ser defendido, está ser destruído por todos os partidos e pelo povo português.
Miguel Relvas aproveitou para puxar ao sentimento dos tomarenses, a ver se ganha votos porque sabe que a situação está muitp difícil para ele e para o partido.
Como disse alguém, os portugueses precisam mesmo de uma crise de miséria para ganharem consciência da situação. Passos Coelho e Relvas são os timoneiros ideais para nos lançarem no mar tenebroso. A ideia de reduzir o Governo a dez Ministérios é brilhante. Ontem na TVI 24 horas a jornalista do Público e a Constança passaram-se com tal proposta, e disseram que só quem está impreparado a faz. Antes, na TVI, o Santana Lopes tinha dito o mesmo.
Tudo isto é triste, tudo isto é fado.

António Rebelo disse...

Com o devido respeito pela sua opinião, creio devermos circunscrever a questão a dois pontos: 1 - Entre o actual primeiro-ministro, cuja prática já é bem conhecida e os aspirantes do PSD, qual é à priori a escolha menos má para Portugal? Quem nos arrastou para a situação trágica em que nos encontramos? Ou quem pelo menos tem a coragem de anunciar que pretende mudar a prática seguida até agora por Sócrates? A banha da cobra? Ou a sinceridade inquieta?
2 - Essa do tamanho do governo tem muito que se lhe diga, mesmo sem falar dos seus onerosos serviços de apoio. Segundo o DN de hoje (página 2), Portugal tem 16 ministros para 10 milhões de habitantes, a Espanha tem só 15 para 46 milhões, a França 14 para 64 milhões, a Alemanha 15 para 84 milhões e a Holanda 13 para 17 milhões. Mas são todos países pobres e atrasados. Só nós é que somos ricos e avançados. Como os gregos,com 15 ministros para 11 milhões de habitantes e uma situação ainda mais brilhante que a nossa, por mero acaso também liderada por um governo socialista...
E depois há ainda os armazéns de funcionários chamados municípios. A câmar de Lisboa (500 mil habitantes) tem três vezes mais funcionários que a de Madrid (3 milhões de habitantes). Coisas...

Anónimo disse...

COMO A IRONIA PODE REFLECTIR A REALIDADE...

Nas palavras de D.Rebelo,O MAGNÍFICO :


"É que este seu servidor realmente de inteligente não tem nada, como é sabido, pelo que percebe muito pouco, ou mesmo nada. Por isso costuma estar a pedir esmolas à saída das missas. Agora que estava esperançado num tachito arranjado pelo Miguel, vem você e revela tudo."

MAS D. REBELO SÓ QUER TACHO POR PENACHO!

Um FERREIRA sai mais caro - PENACHO + chorudo vencimento + ajudas de custo + carro + telemóvel + combustíveis + manutenção + ...

PORTANTO,

Precisamos de nos ver livres dos Rebelos,dos Ferreiras,dos Relvas e outros que tais!

António Rebelo disse...

Para comentário das 21:07

Precisamos de nos ver livres é de quem a mando do dono morde pela calada, ao abrigo do anonimato. De quem nunca entra no debate dos problemas, preferindo sempre os ataques pessoais infundamentados. De quem mastiga ódio crónico 24 horas por dia. De quem nem de si próprio gosta, quanto mais agora dos outros.
E realmente, quem aceita desempenhar certas tarefas porcas é porque perdeu o respeito por si próprio e a noção das coisas.

Anónimo disse...

Agora chama-lhe nomes...

Quem não quer ser lobo,não lhe veste a pele!

António Rebelo disse...

Quem é que chamou nomes? Não é necessário. A sua prosa caracteriza-o sobejamente. Uma vez vendida a mercadoria do dono, vê-se forçado a recorrer a frases feitas, do tipo passe-partout. Que falta de bagagem!
Pode sossegar que não vou revelar de que partido é que você é funcionário. Por já não ser preciso, uma vez que os leitores até nem são assim tão lorpas. Digo eu...

Anónimo disse...

Será que aquilo que o Rebelo diz sobre quem nos levou a esta situação a nivel nacional, referindo-se ao Sócrates, não assentaria que nem uma luva, a nivel local, a Miguel Relvas e seus boys com Paulino Paiva à cabeça.
Será que Miguel Relvas ainda tem morada em Tomar?
Pois, ao que se ouve por aí dizer, já teve moradas em locais onde nunca morou!
Porque será?
O Rebelo "sabe tudo", sabe disto, não sabe ou não quer dizer?
Veremos!

Anónimo disse...

Só uma bácora dessas me faria rir a esta hora.

O Magnífico Rebelo é mesmo...mesmo...

o que cada um possa pensar!

Tás a ficar bué de "jacaré"...

António Rebelo disse...

Para comentário das 22:19

Antes de mais convém frisar que não sei tudo, nem lá perto. Se soubesse...
Sobre Miguel Relvas e as desgraças tomarenses provocadas até agora pelos autarcas PSD, já disse mas repito que:
A - Relvas escolheu entre os exemplares disponíveis; B - Não foi ele que elegeu Paiva duas vezes com maioria absoluta; C - Não tem culpa de a oposição tomarense sempre ter facilitado a vida aos autarcas laranja. E continua...
D - É o primeiro a reconhecer (em privado) que as coisas não vão nada bem em Tomar, mas está como todos nós -tem de comer do que há.
E - Nunca convém misturar vinganças mesquinhas, ódios de estimação, revanchismos e quejandos, à sempre saudável e indispensável crítica política FUNDAMENTADA.F - Sabendo sempre separar o aspecto pessoal do político.

Anónimo disse...

O PSD vai ajudar Tomar...
- com as SCUTs,
- com o aumento do desemprego,
- com a diminuição do poder de compra dos tomarenses,
- com o corte das prestações sociais nos reformados,
- com a diminuição dos vencimentos dos funcionários públicos,
- com o aumento das prestações sociais,...

O PSD vai continuar a ajudar Tomar...

Anónimo disse...

Primeiro o PS agora o PSD. Se é assim tão bom porque não vai pelo MPT?... ou pelo partido do outro coelho, o candidatato vassoura?...

PM

Anónimo disse...

AS AJUDAS, A ATENÇÃO E O EMPENHO COM QUE OS NOSSOS ASSUNTOS SÃO TRATADOS PELO SR. RELVAS ESTÃO À VISTA COM A CAMARA QUE INVENTOU.
DEIXE-NOS EM PAZ COM O SEU APOIO AO RELVAS, QUE JÁ É DEMASIADO OBVIO. PENA QUE VOCÊ ESTEJA A DESBARATAR O CAPITAL POLITICO QUE TEVE.

Anónimo disse...

O que fazes agora ao Relvas e ao PSD,fazias ao Ferreira e ao PS há meses atrás...

E,daqui a uns tempos,a outros farás o mesmo...

Tens muita experiência de cheirar as rodas das carroças que te parece encaminharem-se para o Palácio...

Só te sentes bem nas badanas dos senhores dos Mercedes,dos Volvos ou dos Audis de alta cavalagem...

Condizentes com a tua linhagem...

António Rebelo disse...

Resposta ao comentadores de segunda feira:
Não adianta ter ilusões. Qualquer que venha a ser o próximo primeiro-ministro e/ou a composição do futuro governo, haverá mais cortes e outras medidas gravosas. E até a CDU, o PCP ou BE, se por hipótese viessem a integrar um futuro governo, teriam de fazer exactamente os mesmos cortes. Por conseguinte, não adianta chorar lágrimas de crocodilo ainda por cima fingido.
Nos comentários, convém respeitar minimamente a verdade e a realidade envolvente. Quem me acusa de fazer agora ao Relvas e ao PSD o que em tempos teria feito ao Ferreira e ao PS, está manifestamente a delirar.
Quanto a quem me pede para deixar em paz não sei quem, deve haver engano. Nunca importunei nem importuno ninguém, uma vez que só vem a Tomar a dianteira quem quer.
Finalmente, em nome de que princípios rançosos é que tentam criticar a minha liberdade de opinião e de voto?
Compreendo que padeçam de alguma angústia, pois os tempos que vivemos não são nada cómodos, e cada vez vai ser pior. Julgo contudo que seria preferível aceitar quanto antes e de uma vez por todas que a culpa pelo estado em que se encontra Tomar cabe afinal a todos os tomarenses que, salvo raras excepções, não valem um chícharo em termos humanos, culturais ou políticos. Assim, já podiam dedicar o tempo livre à busca de novos caminhos para o concelho, em vez de continuarem à procura de bodes expiatórios.
Resta o comentário das 11:01. Trata-se visivelmente de um caso para a psiquiatria. Apenas posso informar que há uma consulta da especialidade no hospital local.

Anónimo disse...

"
Não adianta ter ilusões. Qualquer que venha a ser o próximo primeiro-ministro e/ou a composição do futuro governo, haverá mais cortes e outras medidas gravosas.
"

Por mim podiam acabar com TODAS as reformas aos ex.funcionários públicos.

Anónimo disse...

Rebelo , você tem razão, Portugal, com menos população, tem um Governo maior que a Espanha e outros. Mas, reduzir o Governo a dez Ministérios agora, quando há uma pressão enorme para realizar o acordo com a "troika" ? É só de quem não tem a noção de como funciona a Gestão de Sistemas. Até o Cavaco Silva viu que era errado.
Todos eles são vendedores de banha da cobra, veja a cítica que o Marcelo Rebelo de Sousa fez ontem ao decorrer da campanha eleitoral. Políticos e povo querem estar todos fora da realidade, que vai ser dura, muito dura.
Sobre Tomar. O Relvas queixa-se que a situação não vai bem, e que teve de escolher entre aquilo que tem. O que é que o Relvas fez para recuperar o PSD em Tomar ? Nada. Quais as suas iniciativas para conseguir a colaboração de militantes do partido altamente experientes ? Nenhumas. Relvas, e os seus muchachos, quiseram um PSD Tomar domesticado e à sua dimensão,tramaram-se ?
Como diz o povo: Tomar vai ser uma aldeia em grande, e vai!!!
Dentro do quanto pior, melhor, é recomendável que Passos Coelho/Relvas ganhem as eleições.

Luis Ferreira disse...

Estimados e divertidos opinadores da blogolândia

Ao ver as fotos, que honestamente não tive pachorra para ler a propaganda, fiquei descansado com a entrega do próximo dirigente laranja na Entidade Rdgional de Turismo de Lisboa e vale do Tejo.

Tendo defendido em campanha eleitoral a extinção do Ministério da Cultura, PPC vem fazer-se fotografar numa da Joias da coroa patrimonial do Pais: o Convento de Cristo. Sim senhor, faz sentido.

Assim, no decurso da próxima restruturação da ERT-LVT, já Miguel Relvas tem substituto para o ultimo cromo da bola que para lá inventou. O homem é versado para a promoção turística e pelo menos não o estou a ver a trazer a Tomar um escritor célebre e depois chamar-lhe cobarde a justificar a sua inopinada ausência...

Nota de rodapé: estes estrategas do PPD estão cada vez mais tontos e eu cada vez mais me pergunto - quem no seu perfeito juízo em Tomar pode votar em quem, após 14 anos, colocou o Concelho na situação em que está?

O libertário que também é autarca
Luis ferreira, socialista e homem livre

Anónimo disse...

Cada tiro...cada melro...