sexta-feira, 27 de maio de 2011

SEM MAIS COMENTÁRIOS...

José António Saraiva, director, SOL/TABU, 27/05/2011, páginas 64/65

10 comentários:

Anónimo disse...

Este post é muito importante.
Mas, é só o PS que tem esta máquina infernal? O PSD não a tem? O PCP não a tem? O CDS não a tem? As religiões não a têm? Os Sindicatos não a têm? Não sejamos inocentes.
Veja-se a influência que o Miguel Relvas tem nas agências de informação e na comunicação social; até quando ele dá banho ao cão é propagandeado.
O congrasso do PS parecia uma assembleia da IURD. E os do PSD que estão ligados à IURD?
Olhemos para Tomar, e veja-se a aliança entre o PSD, o PS, a CDU e os independentes para que a comunicação social apenas dê notícias sem importância. Artigos de fundo, opiniões fundamentadas e notícias a falar da situação, não as querem. Até opiniões sobre a crise actual são classificadas, segundo eles e a sua gente-de-mão na comunicação social,, como de desinteressantes para o povo.
Quantos daqueles que escrevem ou falam na comunicação social tomarense são constantemente acusados de pessimistas, catastrofistas, más-línguas, destrutivos, etc.? E a situação não se tem vindo a piorar em Tomar? Não vai piorar ainda mais? E em Portugal? Ela não vai ser um desastre, com PS, com PSD, ou todos juntos?
Há dias disse alguém que os portugueses só entenderiam o grave da situação quando a crise estoirasse. Aguentem que ela vai estoirar, e os portugueses vão ficar na miséria.

Cantoneiro da Borda da Estrada disse...

Obviamente, JASaraiva, desesperado, muito desesperado, cabeça perdida, vendo a derrota da direita tornar-se a cada dia que passa mais provável, perde a compustura, a ética jornalística e desata...., desata.... a revelar o que é do conhecimento comum numa campanha elitoral, especialmente uma campanha como esta onde a velha direita de inspiração salazarista ousou pela primeira vez arreganhar os seus dentes afiados à democracia, recorrendo ao vale-tudo, de há 6 anos a esta parte.

É por isso que vou votar outra vez no meu Zézito. Ele não brinca em serviço. Sim. Eles julgavam que eram favas contadas... Pela primeira vez nos últimos anos a demagogia está a ter sérias dificuldades em vingar!

O povo é sereno, sabido, manhoso, sábio, experiente, calejado.

Toda a gente constata diariamente que a imprensa escrita e audio-visual e on line está sobejamente controlada pela direita. Os seus jornalistas (tenho disso conhecimento) são diariamente pressionados na sua liberdade nas respetivas redações. Em várias situações, aos jornalistas só faltou jogarem à porrada. Há jornalistas que são diariamente, por métodos miseráveis, ameaçados.

Vejam o incómodo de PPCoelho com José Pacheco Pereira, inimigo figadal de José Sócrates!!!

Leiam hoje os artigos esquizofrénicos de JMFernandes e Luís da Cunha no "Público". Não percam este último, com o título de "ABSTENÇÂO: NÃO". O desespero dos lacaios e de doutores sorbónicos da velha ortodoxia. Leiam o artigo do Prof. Cunha.... Leiam.

Não me quero meter com o Dr. Rebelo por quem tenho elevada estima e consideração, mas estou admirado por não ter reproduzido aqui alguns delirantes momentos daquele artigo a lembrar aquele livro de Saramago, "Ensaio sobre a Lucidez".

Mas uma coisa é certa: JASaraiva tinha cá um jeitão para altos cargos da Inquisição portuguesa da nossa desgraça!....

Há, de facto, neste momento, uma direita moderna, patriótica, empreendedora, culta e preparada, a puxar por um novo modelo económico baseado no Conhecimento, na Inovação (vejamos as exportações), que não tem nada a ver com este artigo, e que vai votar em José Sócrates.

Será que no dia 5 de Junho à noite irei mesmo para as ruas de Lisboa saltar, gritar e cantar pela estrondosa vitória do Portugal Novo contra este Portugal Velho que defende JASaraiva?

O povo o dirá. E o que ele disser dito está.

Anónimo disse...

Do que conheço do PS, ainda não percebi o grau de conspiração e organização que o articulista indica.

Mas caso tal seja verdade, sou levado a aplaudir: pela primeira vez há organização em Portugal!

Anónimo disse...

Olhemos para Tomar, e veja-se a aliança entre o PSD, o PS, a CDU e os independentes para que a comunicação social apenas dê notícias sem importância."

Isto é miopia politica, porque a CDU e os independentes não têm o mesmo acesso aos jornais e rádios que os do centrão e nem têm qualquer aliança.

O PS e o PSD é que estão cu-ligados!!!!!!

O anónimo das 16:01 é um aldrabias!!!!!!!

Anónimo disse...

O PS (PSD) organizado(s)?

Só se for na total desorganização!!!!!!

Tem pai que é cego!!!!!!

Não há paxorra!!!!!!!!

Anónimo disse...

Tão sonsos que eles são(o arquitecto e o autor do blogue). A comunicação social influente junto das massas é a TV. Na TVI temos o Marcelo, Santana, Marques Mendes e Carrilho (dito do PS mas falando como PSD). Na SIC basta o patrão ser o militante nº1 do PSD.Na SIC Notícias temos o Mário Crespo cujo ódio a Sócrates é igual ao de Saraiva (este com alguma razão porque se não fossem os angolanos, o BCP/Vara ainda lhe cortava o crédito). J. Manuel Fernandes (ex-Público), Campos e Cunha e Santana Castilho, fazem o que podem para atacar o PS nas colunas publicadas. Não trquem os factos: ataques há de todo o lado. Para quem controlava a comunicação social, nesta campanha é ao contrário.

António Rebelo disse...

Para comentador das 21:39

Peço licença para discordar. Não me considero sonso. Apenas me recuso a ver a realidade portuguesa através de óculos partidários. Quanto à sua enumeração de personalidades, apenas duas observações: 1 - Porque será que há tanta gente bem colocada contra Sócrates, incluindo Carrilho, Seguro, Gama, Neto, Campos e Cunha e outros militantes do PS? Comprados por PP Coelho, querem ver?!?! 2 - O que diz na sua crónica o ex-director do EXPRESSO, agora director do SOL, é falso ou verdadeiro? Sendo verdadeiro, fico com algum receio, porque conheço alguns regimes totalitários que não chegam a tanto...por falta de recursos monetários. O que significa que Sócrates ia bem lançado para mandatos mais longos. Deve ser dos miasmas de S. Bento...

Anónimo disse...

Para A. Rebelo
Agradeço o seu comentário/resposta.
Acontece que não tenho óculos partidários, não milito em nenhum partido e até já votei em diferentes, consoante o estado da nação no momento. Reconheço muitos defeitos em Sócrates e desejava que houvesse uma alternativa socialista ou social democrata credível. Mas ser governado por gente que acha que um País é uma empresa, mete medo ao susto. Passos pode ter qualidades humanas mas isso não chega para se impôr (supondo que tem ideias sociais) aos "tubarões" e aventureiros do "Compromisso Portugal". Estes "gestores"(de negociatas com o Estado) colocaram-se agora
na "sombra" porque já viram que quando falam, assustam o povo e
espantam os votos.
Voltando ao início e â linguagem oftalmológica, olhar o Governo com óculos de ódio doentio e exacerbado, como é o caso de Saraiva, isso não olho.

Anónimo disse...

Os independentes e a CDU não têm acesso aos jornais e às rádios? Têm! Olhem bem.
Mais, olhem para os jantares, há algum tempo atrás, de apoio a Miguel Relvas e vão lá encontrar gente do PS, dos Indepedentes e da CDU.

Anónimo disse...

Mas não há qualquer dúvida que os partidos e o independentes estão coligados para termos, em Tomar, uma comunicação social acrítica. Eles querem ser os únicos a dominar a sociedade tomarense, para isso a comunicação social tem de não valer nada e, na sociedade, nada nem ninguém se pode organizar.
Quando a comunicação social começa a falar do que importa eles dizem logo que isso não interessa ao povo; só interessa que o povo vote, neles.