sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Na porta de um estabelecimento comercial da Rua Infantaria 15

Ora aqui temos uma excelente ideia para iniciar a resolução de alguns problemas tomarenses, que se arrastam há décadas. Numa altura em políticos mais sérios, experientes e competentes já têm a coragem de dizer publicamente que sem líder não vamos lá, para começar uma boa solução seria aplicar o anunciado no aviso a alguns órgãos e serviços. Naturalmente mandando os respectivos titulares (eleitos ou funcionários) para casa, com a remuneração por inteiro. Os tomarenses constatariam então que a vida pode ser muito menos complicada e os problemas resolvidos muito mais rapidamente, enquanto eleitos e funcionários chegariam à conclusão que, salvo poucas excepções, fazem tanta falta como a fome ou a febre tifóide. O que os poderia levar finalmente a descer do pedestal onde se julgam instalados, mudando de comportamento, de forma a tratarem de igual para igual todos os cidadãos. Como sempre deveria ser, mas não é. Quanto ao erário público, ficaria beneficiado em muitos milhares, graças à poupança de água, luz, papel higiénico, telemóvel, fixo, internet, papel, tonner, toalhas, limpezas...
Em resumo, ganharíamos todos; ganharia o país. Vamos a isso? Ontem já era tarde!

1 comentário:

Por Tomar disse...

Plenamente de acordo, a iniciar nos vereadores do PS que ainda têm os computadores propriedade dos munícipes de Tomar, com Internet a borla e gastar indiscriminadamente telefone móvel etc etc etc. Não esquecer que o Relvas também deveria entregar o telemóvel da Câmara, assim eram mais uns euritos que se poupava.