sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Sondagem Final

Vote na sondagem final >>>


1 - O tira-teimas global

Nas sondagens anteriores os leitores escolheram só entre os possíveis candidatos de determinada formação política. Agora, efectuada essa primeira selecção, chegou a hora do confronto eleitoral final. Escolha na lista ao lado aquele dos dez presidenciáveis que julga merecer a sua preferência. O seu voto é muito importante para todos os responsáveis políticos locais. Para uns porque lhes poderá facilitar a escolha de um cabeça de lista em função da preferência dos eleitores, entre os quais você. Para outros, porque nunca é tarde para emendar erros, ou para escolher outro cavalo antes da corrida decisiva.

2 - O prometido é devido

Desta vez resolvi incluir o meu nome na lista dos votáveis. Fi-lo por dois motivos: A - Porque em tempos anunciei que tinha um plano para Tomar, mas que só avançaria se os tomarenses precisassem de mim. Acrescentei que a seu tempo poderiam manifestar livremente a sua opinião a meu respeito. Chegou essa oportunidade. B - Vários leitores, quase todos sob anonimato ou pseudónimo, não se coibiram de me acusar de cobardia, por nunca me submeter a votos. Aqui está a resposta.

6 comentários:

Por Tomar disse...

Chegou-me aos ouvidos agora mesmo que a Dra. Graça Costa vai ser a cabeça de lista dos IpT... a ser verdade o PSD e PS que se acautelem, só espero que o Pedro Marques fique fora da lista se tiver bom censo e inteligência. A ver vamos. Ai acredito que os IpT com uma lista forte liderada pela Dra consiga ganhar a Câmara. Não acham?

Virgilio Alves disse...

E os possíveis candidatos da CDU não figuram.

É a democracia de António Rebelo.

E é "Esta é a ditosa pátria minha amada, à qual se o Céu me dá que eu sem perigo torne, com esta empresa já acabada" na qual até as sondagens sondam primeiro que os sondados, onde se declinam de antemão em cujos nomes nem se deve nomear.

E assim portanto, "Eis aqui, quase cume da cabeça da Europa toda, o Reino Lusitano" onde a democracia acaba e o engano impera.

Francamente, é uma lavagem cerebral, que salta despudoradamente aos olhos de quem a vê.

Onde a palavra "Outros" se faz de sinónimo a 'encobrimento'.

Que infelicidade.

António Rebelo disse...

Bom dia caro conterrâneo. Bom Natal!
Acalme-se! Olhe o seu jovem coração. Se reparar, apenas figuram independentes e filiados nas formações representadas no executivo. De que serviria estar a acrescentar potenciais candidatos CDU, BE, ou MRPP? Com bem sabe, não têm passado de meros animadores de pista. Úteis mas incapazes de vencer.
Tem toda a razão: é a minha democracia. Que não trocaria pela sua por nada deste mundo. Por uma simples razão: Eu conheci a União Soviética e já visitei a China, Cuba,o Vietnam,o Laos e o Nepal. E você?

Virgilio Alves disse...

Antes de mais, mesmo na véspera, peço desculpa pelo lapso de cordialidade, bom Natal.

Eu? Conheço Tomar e Portugal. E isso é que interessa.

Assumo que se refere à "minha" democracia com o pensamento assente no PCP.

Pois bem:

Número 2 do Artigo 1.º - "Um regime de liberdade no qual o povo decida do seu destino e um Estado democrático e participativo" - do II Capítulo do Programa do Partido Comunista Português, recentemente revalidado e aprovado no seu XIX Congresso de 30 de Nov. a 2 de Dez. do corrente ano:

"Serão plenamente assegurados os direitos de carácter pessoal, político e social (...)
(...)
Serão plenamente reconhecidos e garantidos os direitos, garantias e liberdades fundamentais:
- a liberdade de expressão de pensamento, a liberdade de imprensa e o direito à informação, com proibição da censura e garantia do pluralismo político e ideológico;
- a liberdade de reunião e manifestação (...)
- a liberdade de constituição e acção de partidos políticos (...)
- o direito de eleger e de ser eleito e o direito de acesso a cargos públicos em condições de igualdade e liberdade
(...)"

Portanto, se se refere a esta democracia, supra-citada, sim, é a minha também, mas confesso, já estava e desconfiar que a sua democracia não fosse nos moldes da minha.

António Rebelo disse...

Bom Natal e Bom ano Novo!

Acontece que a constituição chinesa, por exemplo, também garante essas liberdades todas. E vai-se a ver na prática...
Isto para já não falar noutros aspectos, como a manifesta intolerância e os ares de superioridade moral dos militantes do PCP, para quem todos os outros parecem ser gente sem tino.

Virgilio Alves disse...

O que os chineses fazem ou deixam de fazer não é nem da conta nem da responsabilidade de nenhum outro partido a não ser do PCC.
Não é minha, não é sua, nem muito menos do PCP.

Quanto a isso estamos conversados.

Quanto aos ares de superioridade dum comunista só se for por morarem em prédios, já os do Sr. rebelo é o de percorrer o mundo como se isso lhe garantisse a suma autoridade democrática.

Agora faço-lhe uma questão simples e prática: Concorda com esse trecho do programa do PCP? que lhe mencionei?

se sim, escusa de proferir alguma teoria da conspiração contra o PCP, se não, bom, está muito longe do meu conceito de democracia.